05/09/2013

Subvenções a Redes

• Subvenções às Redes já formadas
Conforme previsto nas ações do programa foram concedidas novas subvenções com o intuito de fortalecer e consolidar as redes existentes.

Por meio da convocatória, foram selecionadas duas redes: a Rede de desenvolvimentos educacionalis do MERCOSUL (REDESUL) conformada por instituições como a Faculdade de Ciências Sociais da Universidade de Buenos Aires (Argentina), o Instituto de Políticas Públicas e Relações Internacionais da Universidade Estadual Paulista (Brasil) e a Faculdade de Ciências Sociais da Universidade da República (Uruguai); e a Rede de Ensino da História da América Latina: recursos, problemas e possibilidades, formada pela Universidade Nacional de General Sarmiento (Argentina), a Universidade Estadual de Ponta Grossa (Brasil) e a Universidade do Oeste de Paraná (Brasil).

Nesta oportunidade as redes trabalharão com a elaboração de materiais didáticos sobre a Integração Regional para a Formação Docente.

Mais de 30 Universidades e Instituições Educacionais do MERCOSUL trabalham na Rede em projetos de melhora da formação docente.

Durante o mês de abril começaram a trabalhar as oito Redes que receberam uma subvenção para desenvolver estudos e pesquisas conjuntas na convocatória 2013. O objetivo é desenhar soluções a problemáticas comuns de formação docente e implementá-las em projetos piloto de melhoramento.

As redes estão integradas por três ou mais instituições de formação docente de, pelo menos, dois dos países beneficiários do PASEM.

A través desta iniciativa, instituições de lugares muito diversos tais como o Instituto Superior de Formação Docente Joaquín V. González de Chilecito, em La Rioja, Argentina, e a Universidade de Rio Grande do Norte, no Brasil; a Universidade Federal de Alagoas (Brasil) e a Universidade Nacional de Assunção (Paraguai); a Universidade Nacional da República (Uruguai) e o Instituto General San Martín, de Villa María, Córdoba (Argentina), trabalham na rede em procura de potencializar sinergias regionais.

O apoio econômico das subvenções, que é aproximadamente AR$ 580.000 por rede, destina-se a pesquisar as problemáticas; ao desenho e desenvolvimento dos projetos de melhora; à elaboração de materiais com fins didáticos; e à elaboração de relatórios de avaliação das experiências. Este trabalho compartilhado requer da realização de encontros que também são financiados graças às subvenções. Por sua vez, cada uma das instituições envolvidas, aporta um 20% como contraparte do investimento.

As redes são acompanhadas por equipes de Apoio: a Faculdade Latinoamericana de Ciências Sociais (FLACSO-Argentina) e a Universidade Autônoma de Madrid (UAM) as quais realizam o acompanhamento e assessoramento das tarefas. Estas instituições colaborarão, além do mais, no fortalecimento dos vínculos interinstitucionais.

As temáticas sobres as quais trabalham as redes são: inclusão educacional, superação da violência e evasão escolar.

As atividades iniciadas en 2014, continuarão até novembro de 2015.

O reconhecimento de problemáticas comuns e os esforços por atingir soluções respeitando as diversidades, fortalecem os vínculos interinstitucionais e potencializam a integração regional, pilar das ações do Programa de Apoio ao Setor Educacional do MERCOSUL.


Reunião de representantes de instituições educacionais Argentina, o Brasil, o Uruguai e o Paraguai com diretores do PASEM e prof. Javier Murillo da Universidade Autônoma de Madrid.

Concurso de Experiências Inovadoras

O Programa de Apoio ao Setor Educacional do MERCOSUL (PASEM) promove o intercâmbio de experiências e práticas educativas transformadoras na formação docente da Argentina, do Brasil, do Paraguai e do Uruguai, por meio do I Concurso de Experiências Inovadoras na Formação Docente.

Mais informações